Castillo de Chapultepec: Monumento histórico do México

Compartilhar este artigo

Em 27 de setembro de 1944, o icônico Castillo de Chapultepec abriu suas portas como o Museu Nacional de História na Cidade do México. Essa decisão do governo federal mexicano não foi circunstancial, uma vez que a construção no topo do Bosque de Chapultepec tem sido um importante protagonista cultural no México.

No entanto, não é apenas um museu para os amantes da história do México, mas também um fórum para grandes apresentações artísticas e culturais.

Além da beleza arquitetônica, o castelo esconde várias anedotas nos seus lindos corredores, por isso resolvi explicar tudo aqui para você não perder nenhum detalhe. Leia este texto até o final e descubra tudo que este lugar tem para oferecer.

Reserva agora seu hotel na Cidade do México

Reserva seu hotel na Cidade do México com as melhores tarifas com a parceria do Guia México e Booking.com. Você não paga nada mais por isso e ainda nos ajuda a continuar dando dicas incríveis do México.

O que fazer no Castillo de Chapultepec?

Um dos ícones mais bonitos da Cidade do México espera por você com diferentes atividades. É um dos locais favoritos para escolas primárias durante a semana, para corredores e ciclistas que gostam de ir até a entrada pela manhã e para milhares de turistas que o visitam todos os dias.

1 – Visite o Museu Nacional de História

Museu Nacional de História Cidade do México

Uma das melhores maneiras de absorver a história do México é visitar o Museu do Castillo de Chapultepec, oficialmente o Museu Nacional de História. Em suas 12 salas de exposições, o Museu Nacional de História abrange aspectos desde a conquista de Tenochtitlan até a Revolução Mexicana.

Você será capaz de observar objetos representativos, pintura, escultura, desenho, gravura e impressão de diferentes passagens da história. Basta dizer que a herança do museu está perto de 100.000 peças e continua a crescer. Parte dessas peças é exibida ao público e outra parte é protegida para estudo.

Aliás, todas essas peças conseguiram ser classificadas em pintura, escultura, desenho, gravura e impressão, numismática, documentos históricos e bandeiras, tecnologia e armas, roupas e acessórios, móveis e utensílios domésticos. Além disso, nas 22 salas na área chamada Castelo, você pode ter uma ideia de como os imperadores Maximiliano e Carlota viveram e, mais tarde, o ex-presidente Porfirio Díaz.

E em suas salas de exposições temporárias, o museu dá origem a passagens específicas da história e inclui conteúdo multimídia para complementar a visita. O mais recomendado é solicitar uma visita guiada para conhecê-lo e entender melhor a história do México. Devido a grande quantidade de visitantes do museu, somente às sextas-feiras, oferece uma palestra introdutória a grupos de até 40 pessoas.

2 – Visite a biblioteca e a biblioteca de fotos

fotos del castillo de chapultepec

Sua visita ao Castillo de Chapultepec não se limita a visitar o Museu Nacional de História; você também pode curtir a biblioteca e fototeca, localizadas no prédio ao lado do castelo. Entre sua coleção, você encontrará livros e monografias especializadas em história e arte do México, coleções do Instituto Nacional de Antropologia e História.

As brochuras, revistas, boletins especializados em arte, história e arqueologia e as enciclopédias clássicas também fazem parte do seu patrimônio. E não deixe de parar na Biblioteca de Fotos, onde você poderá ver os objetos que o museu tem sob sua custódia. Eles também podem mostrar fotos e imagens antigas de exposições itinerantes anteriores.

Está aberto de terça a sexta-feira, das 9h às 16h30.

3 – Passe o dia observando os murais do Castillo de Chapultepec

Murais do Castillo de Chapultepec

Obra de José Clemente Orozco

O México possui grandes pintores que entraram para a história e no Castillo de Chapultepec você poderá apreciar a obra de vários deles. A possibilidade de ver obras de grandes artistas como David Alfaro Siqueiros, José Clemente Orozco e Juan O’Gorman é única, por isso, aproveite bem a sua visita.

Dois murais estão na sala Madero, um na sala de vídeo Siglo XX, um na escada principal, mais um na sala Siqueiros e o último na cúpula da entrada principal. Dedicado a várias passagens da história do México, como a Conquista, Independência, Reforma, Porfiriato, Revolução, Constituição de 1917 e intervenção americana, cada uma é impressionante e merece ser vista com calma.

4 – Participe de eventos artísticos e culturais

castillo de chapultepec mexico

O quadro de eventos do Castillo de Chapultepec está cheio de verdadeiras obras de arte a maior parte do ano. Você poderá apreciar performances de balé como Romeu e Julieta, Lago dos Cisnes ou o Ballet Folclórico do México.

Além de concertos da Orquestra Sinfônica Nacional, a ópera de Belas Artes ou encenação histórica e infantil. E não deixe de conferir outras atividades, como conferências, workshops para todas as idades, apresentações de livros ou recitais de piano.

Verifique a seção Agenda do site para todos os detalhes.

5 – Admire os belos vitrais

castillo de chapultepec por dentro

Os famosos vitrais do Castillo de Chapultepec são encontrados nesta bela galeria que reflete uma parte importante da arte europeia do século XIX. Estes vitrais foram feitos em Paris por ordem de Don Porfirio Díaz em 1900.

Eles se distinguem por mostrar as figuras de 5 deusas que na mitologia representam atributos femininos como agricultura, beleza, juventude, fertilidade e amor.

Seguro viagem para o México

Contrata agora o melhor seguro viagem e curta as suas férias sem preocupações. O seguro não é caro e pode te salvar em várias situações, desde internações até extravio de bagagem.

Qual a história do Castillo de Chapultepec?

 castillo de chapultepec historia

O Castillo de Chapultepec começou a ser construído em 1785 durante o governo do vice-rei da Nova Espanha, Bernardo de Gálvez. Originalmente, seria uma casa de repouso, mas o destino lhe atribuiu várias funções, como uma faculdade militar, residência imperial de Maximiliano de Habsburgo e Carlota entre 1864 e 1867 e mais tarde, como residência presidencial.

Assim, as etapas históricas do Castillo de Chapultepec podem ser divididas em Virreynal, Colégio Militar, Império, Porfiriato e Século XX. Dizem que por volta de 1550, quando o segundo vice-rei da Nova Espanha governou, Dom Luís de Velasco construiu uma mansão recreativa em uma das encostas da colina de Chapultepec.

Lá, os visitantes recém-chegados da Espanha passavam férias enquanto se instalavam na capital. Mas com o tempo, a construção foi abandonada e destruída. Assim, por ordem do vice-rei Matías de Gálvez, um novo palácio foi construído na parte superior da colina desde 1785, que na época não fazia parte da área metropolitana.

Mas o projeto não prosperou e eles fizeram uma pausa e até o colocaram em leilão, mas não foi o suficiente para ninguém, até que a Prefeitura da Cidade do México o adquiriu em 1806.

De construção abandonada a castelo dos Imperadores

Sala Alcázar

Foi em 1833, quando o palácio abandonado de Chapultepec se tornou a sede do Colégio Militar a partir de 1841, adicionando uma torre ou “Alto Cavaleiro” à construção, para dar a aparência de uma fortaleza. E assim, em 1859, tornou-se a residência presidencial de Miguel Miramón, que construiu quartos no segundo andar do Castelo e na grade do sul.

E durante a Guerra Mexicano-Americana entre 1846 e 1848, o exército dos EUA bombardeou o castelo de 12 a 13 de setembro de 1847 e içou a bandeira americana em suas paredes, como sinal de vitória. Mas, os cadetes que estavam dentro do castelo eram poucos, então eles morreram defendendo-o durante o que é conhecido como a Batalha de Chapultepec.

Os livros didáticos da escola primária mencionam 6 jovens e os classificam como Niños Héroes, mas há historiadores que mencionam que havia mais dentro do castelo e que Juan Escutia escorregou com a bandeira, quem sabe?

oi assim que, durante a época do Império, o castelo de Chapultepec se tornou a residência dos imperadores Maximiliano de Habsburgo e Carlota da Bélgica. Ambos caminharam placidamente por seus corredores entre 1864 e 1867, durante a Segunda Intervenção Francesa.

Eles também adoravam o nascer do sol olhando para o leste, quando ainda era possível ver claramente o lago de Texcoco e os vulcões Iztaccíhuatl e Popocatépetl. Por esse motivo, atualmente você pode ver um terraço panorâmico em frente ao que seriam seus quartos.

Hora de Don Porfirio

Observatório

Foi em 1878 quando o primeiro Observatório Astronômico Nacional foi estabelecido no Castillo de Chapultepec, instalando equipamentos especializados, novas salas e dois postos de guarda. Mas em 1883, eles mudaram o observatório para a cidade de Tacubaya, para que o castelo se tornasse, mais uma vez, um Colégio Militar e, aliás, a casa de verão de Don Porfirio Díaz.

Por isso, Don Porfirio conectou a casa e instalou os belos vitrais, elevadores da base da colina (eles os teriam deixado lá), além de uma pista de boliche. Também foram traçados calçadas e riachos, foram instalados um jardim botânico, um lago artificial e um quiosque, todos lindos.

Castillo de Chapultepec no Século XX

mexico city

Foi por volta de 1916, quando o presidente Venustiano Carranza ordenou a demolição do prédio a sudoeste do Colégio Militar, para que o castelo fosse mais visível desde que os escritórios do governo federal e a residência presidencial foram instalados lá até o mandato de Abelardo Rodríguez em 1934.

E em 1939, o presidente Lázaro Cárdenas ordenou a instalação do Museu Nacional de História no Castillo de Chapultepec, um local declarado patrimônio nacional, mas foi aberto até 1944 pelo presidente Miguel Ávila Camacho.

Qual é a história do Museu Nacional de História?

Museu nacional de história

Em 1825, o primeiro presidente do México, Guadalupe Victoria, ordenou a formação do primeiro Museu Nacional, mas somente em 1865 o imperador Maximiliano de Habsburgo decretou a criação do Museu Público de História Natural, Arqueologia e História, na antiga casa da moeda. Em 1910, as coleções de história natural foram separadas e o Museu de História Natural foi inaugurado na Calle de Chopo.

Mas em 1939, o Presidente Lázaro Cárdenas decidiu sabiamente que o Museu Nacional de História deveria estar no Castillo de Chapultepec e, por cinco anos, adaptou e mudou sua herança atual até ser inaugurado em 27 de setembro de 1944.

Como chegar ao Castillo de Chapultepec?

Como chegar ao Castillo de Chapultepec

O Castelo de Chapultepec está localizado na parte mais alta da primeira seção do Bosque de Chapultepec. A maneira clássica de chegar lá é pegar o trem Chapultepec e descer a pé, embora algumas pessoas subam e não reclamem.

A primeira seção da floresta pode ser alcançada a partir da estação de Chapultepec na linha 1 do metrô (ou linha rosa). Ou do Paseo de la Reforma, na entrada dos Leões.

Custo e horários do Castillo de Chapultepec

Horários do Castillo de Chapultepec

O castelo de Chapultepec abre suas portas de terça a domingo, das 9h às 17h. O ingresso custa 75 pesos (aproximadamente 18 reais) e aos domingos a entrada é gratuita para visitantes nacionais e estrangeiros residentes no México. Durante a semana, a entrada é gratuita para menores de 13 e mais de 60 anos, assim como para professores e alunos com credenciais válidas, aposentados e pessoas com mobilidade reduzida.

A propósito, o museu oferece o serviço de empréstimos para cadeiras de rodas, além de ter rampas e espaços acessíveis. Solicite o serviço anteriormente no e-mail [email protected]

Se você quer mais informações sobre o Castillo de Chapultepec deixa seu comentário aqui ou escreva direto no Instagram do Guia México.

Reserve aqui seus passeios na Cidade do México sem pagar IOF em até 12 vezes

Vai viajar ao México? Resolva agora a sua viagem com as melhores ofertas!

Apesar de que o Seguro Viagem não é obrigatório para viagens ao México, eu recomendo muito a contratação. Eu mesmo já precisei durante minhas viagens e me ajudou a economizar mais de 1000 dólares por uma internação.

Além disso, pode ser muito útil para te auxiliar em extravios de bagagem e outros imprevistos. Para contratar o melhor seguro viagem, utilize o Seguros Promo. Com o Seguros Promo você conhecerá as melhores opções para a sua viagem ao México. E se você utiliza o cupom GUIAMÉXICO, você ajuda este blog a seguir dando excelentes dicas e ainda ganha 5% de desconto!

Compartilhar este artigo

Rafael Couto

Jornalista, empreendedor e louco por viagens. Morou por 15 anos no México e durante este tempo teve a oportunidade de viajar por praticamente todo o país. Criou o Guia México para mostrar aos brasileiros o que há de melhor na terra da tequila e dos mariachis através das suas próprias experiências. Acompanhe o Guia México nesta aventura!

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

eBook grátis

Passo a passo para umas férias incríveis em Cancun

eBook grátis

Passo a passo para umas férias incríveis em Cancun